Efeitos da Refração Atmosférica

Você já deve ter se perguntado várias vezes porque a Lua ou o Sol, quando estão próximos do horizonte, adquirem uma cor "avermelhada", resultando em belas paisagens e fotografias. Na verdade, você está presenciando um efeito causado por refração atmosférica.

A luz branca é formada pela composição de todas as cores, portanto se "filtrarmos" alguma cor, o resultado será uma nova cor, e não mais o branco.

Refração é o nome dado ao efeito em que os raios luminosos são desviados através de um corpo, como uma lente objetiva, por exemplo, causando uma conversão do ponto em que essa luz atingirá ou permitindo a passagem apenas de algumas cores, desviando outras.

Quando a Lua ou o Sol estão altos no céu, sua luz atravessa apenas alguns quilômetros de atmosfera, por isso geralmente não percebemos efeitos de refração. Quando os astros estão no horizonte, o caminho percorrido pela luz através da atmosfera terrestre é muito maior, atingindo centenas de quilômetros. Quando há muita umidade no ar, as minúsculas gotas de vapor atuam como uma lente, desviando os raios luminosos. Em alguns casos percebemos uma nítida deformação no formato do astro, adquirindo um aspecto oval, por exemplo.

Por que a cor "avermelhada"? Na verdade, o vermelho e as cores próximas possuem uma frequência mais baixa, e uma maior facilidade em "furar" esse filtro natural. Como as outras cores se perdem ou se desviam no caminho, percebemos apenas a cor vermelha. Por esse motivo, as lâmpadas de emergência e de sinalização geralmente possuem a cor vermelha ou laranja.

As figuras abaixo apresentam as duas situações:

Na figura acima você percebe que o observador está recebendo a luz na sua cor natural, pois não há atmosfera suficiente para filtrar ou modificar as cores.

Acima, o observador está visualizando a Lua (ou o Sol) no horizonte, e a luz do astro atravessa centenas de quilômetros até chegar no observador, perdendo algumas cores da sua composição. Apenas o laranja conseguiu atravessar a atmosfera úmida.

As fotos abaixo são exemplos originais de refração:

Na foto acima podemos ver a Lua nascendo no horizonte, com uma cor próxima ao "laranja" sua imagem deformada, também por efeito atmosférico. Na parte de baixo podemos ver árvores no horizonte, muito distantes. A foto é de Fabricio Colvero.

Nesta foto também podemos ver a Lua, porém minguante, e com poucos graus acima do horizonte. Há menos deformação que na anterior, porém a cor aproxima-se mais do vermelho. Fotografia de Fabricio Colvero.

As fotos abaixo são de autoria de Mário Crossetti

A foto acima, batida por Mário Lopes Crossetti, nos apresenta um lindo efeito de refração, quando o Sol ainda estava a poucos graus de elevação, em relação ao horizonte.

Nesta foto, também batida por Mário Lopes Crossetti, percebemos a presença de nuvens,  que também causam efeitos de refração nos astros, por serem formadas de cristais de gelo.  Para maiores informações, escreva para fabricio@colvero.com .

www.colvero.com